Pesquisar neste blog e nos da lista

quarta-feira, maio 12, 2010

E-mail ao Jucá

Jucá

E-mail que enviei ao senardor Romero Jucá. Você pode fazer algo do tipo não só para o Jucá (romero.juca@senador.gov.br), como para qualquer outro. Os endereços de e-mail deles está na página do Senado: http://www.senado.gov.br/sf/senadores/senadores_atual.asp?o=1&u=*&p=*

 

Excelentíssimo senhor senador, por favor, resista à tentação de apadrinhar seus pares que respondem a processos na Justiça e os que já têm condenação em segunda instância e pense nos 4 milhões de brasileiros que assinaram o projeto de lei popular dos Fichas Limpas.

Não deixe seu partido em situação pior do que a já se encontra diante da opinião pública que dá 80% de aprovação para o presidente e a metade disso para o partido. Não nos deixe com a certeza de que o Partido dos Trabalhadores é uma agremiação que apadrinha os malfeitores da República, de sindicalistas que jamais fizeram qualquer esforço pelo crescimento do país, mantendo-se alimentados, tanto no sentido real quanto no figurado, que seria uma referência ao enriquecimento sem esforço ou mérito (caso do próprio presidente da República a políticos profissionais, como os senhores José Dirceu e Genoíno, que engana a nação e continuam locupletando-se com desvios do erário.

Senador, não ache o senhor que remendando o projeto popular, abrindo brechas para que os bandidos continuem se elegendo e reelegendo, ou mesmo evitando que ele vá a votação, o senhor estará fazendo um favor aos bandidos de colarinho branco. Não se pode mais se esconder da força popular. Seu nome e os do que a não aprovação do projeto beneficiária, teoricamente, cairão em massa na boca do povo através da internet ou de impressos Brasil a dentro e a tentativa de apadrinhar bandidos apenas os exporá ainda mais. São, pelo menos, 4 milhões de brasileiros vigiando a tramitação do projeto e cada um dos parlamentares.

Faça seu papel de representante dos eleitores e faça aquilo que os eleitores desejam, senador: não ponha-se contra a aprovação da vontade popular, isso seria um tiro que poderia sair pela culatra.

Não crie empecilhos e nem faça manobras imorais, mesmo que legais, para nos deixar a ver navios. Agilize a aprovação, senador Jucá, não menospreze a força do cidadão apenas pelo fato de manipular nossa vontade com o auxílio de outros como o senhor. Lembre-se do Diretas Já, que o senhor e seus partidários se orgulham tanto de terem defendido, até mesmo alguns posicionam-se como se fosse o PT o único partido a lutar pelas eleições diretas. Mas isso é outra história.

Pois bem, evitaram as eleições diretas o quanto puderam, mas chegou o momento em que tornou-se inevitável sua aprovação. Assim é o Ficha Limpa. Não adianta fugir. Os senhores podem até adiar, mas não podem evitar sua aprovação, então por que adiar o inevitável?

Salve os seus colegas não condenados, senador, e jogue os crápulas condenados às ações da Justiça. Não traia a vontade de um povo inteiro para acobertar alguns salafrários. Honre seu mandato, seu nome, seu cargo, sua liderança, seu Estado. Honre o Senado Federal, colocando os anseios populares à frente do corporativismo partidário. Ainda há tempo de sair como um herói da moralidade, mesmo isso não sendo 100% verdade, ao invés de entrar para a história como um acoitador de desonestos.

Mesmo discordando diametralmente da linha política de seu partido e de sua postura coronelesca, arrogante e truculenta, espero poder admirar sua coragem em trair os interesses amorais de políticos Fichas Sujas.

 

©Marcos Pontes

8 comentários:

Yara disse...

Bravo!!!!

Anônimo disse...

Bravo!!!

ricardo disse...

carta corajosa de um brasileiro coerente e que espero o melhor para o Brasil. na realidade nós não necessitamos de politicos e sim de pessoas como você que é um grande brasileiro. Parabens.

to-deolho disse...

Caro Marco
Cada palavra escrita por você transmitiu a vontade deste povo brasileiro que, desde o Mensalão, viu ruir as esperanças de transformar o Brasil em um país sério e transparente, com um nível de corrupção aceitável em todo o mundo pois, governados por seres humanos, somos submetidos a exacerbação da ganância e do Poder de cada político.
O projeto FichaLimpa dignifica a vida política deste país e, por este grande motivo, nem o Senado e tampouco os Tribunais podem impedir a sua aprovação com pedido de vistas e outras saídas meramente politiqueiras.
Que a DECÊNCIA seja o TIMONEIRO deste importante momento democrático.
Cidadania tambem envolve lutar para o Bem do País.
Grande Abraço
Marisa Cruz

Bea - Compulsão Diária disse...

Parabéns pela carta corajosa que a meu ver poderia se transformar em abaixo assinado.

Romero Jucá é ficha suja, responde a processos (dois, no mínimo) e ao dizer que não vota sob "pressão" demonstra na escolha da palavra o que sente e o que a população está fazendo e deve fazer: pressão.
Não deixemos, nós, que desfigurem o ficha Limpa. é pra cima dos senadores, agora.

Marcos, insisto que esta carta se transforme em abaixo assinado. serei a primeira a assinar.

Exatamente! Vamos continuar a pressão.

Acid disse...

Ele mesmo tem um inquerito nas costas, por desvio de verbas públicas. Por isso que não quer o ficha limpa http://u.nu/3tqp9

SANDRA disse...

Precisamos escrever para pessoas como ele,Jucá,que só estão comprometidos com os próprios interesses.
O problema é a falta de esclarecimento,por acomodação ou falta de educação básica de muitos brasileiros, que não reagem aos desmandos desses políticos!
Parabéns Marcos.

TRISTÃO disse...

Caro Marco.
O PT jogou no lixo da história a oportunidade de maior valorização do trabalho e uma relação menos submissa ao Capital. Chafurdaram na lama do dinheiro espurio.
Acho que o Romero Jucá é um caso perdido ! Está até medula comprometido com êsses metodos nefastos da politica corrupta.
Apesar disso, é muito valido e oportuno o seu e-mail como catalizador dos anseios das pessoas decentes e que desejam um Brasil coerente com o distico da nossa bandeira "ORDEM E PROGRESSO".
Grande abraço
Paulo