Pesquisar neste blog e nos da lista

segunda-feira, novembro 01, 2010

Eu golpista

Midia_Golpista 2

 

Às vezes quase acredito que o Brasil é mesmo o país do futuro, como preconizou Stefan Zweig. Hoje, um dia depois da eleição que direcionou a senhora Rousseff à cadeira presidencial, sentindo um estranho vazio no oco do peito, percebo que a quase totalidade dos jornais fala do futuro governo, como se o atual não tivesse ainda 60 dias pela frente.

Olhando para o futuro, Lula falou há algumas semanas, ou dois meses, o passado não me cai bem, que ainda havia muito governo pela frente, que ele ainda tinha a caneta e que ainda faria muita miséria. Não é preciso ser pitonisa para saber que ele ainda tem muita miséria a fazer. Eles as faz diariamente à profusão.

Há um mês, de olho no futuro, Zé Dirceu – me sinto mal em falar ou escrever o nome desse senhor, ainda mais no diminutivo carinhoso. Só o uso para apressar em duas letras o final da referência a ele -, num discurso em Salvador mandou o aviso definitivo à senhora Rousseff: de acordo com o projeto DE PODER do PT, o partido governaria e não a presidente.

Ao ouvi-la proferir seu discurso da vitória, pensei na fala do Dirceu. Olhando seu discurso passado, me veio a insegurança futura. Se vai ser o partido o governante, em outras palavras, seria, ou será, um governo de muitas mãos e cabeças, predominantemente as do Dirceu e dos chefões petistas, o discurso da presidente eleita cai no vazio. ZD - - legal, economizei 8 letras na referência ao mal – avisou, não só a ela, mas também aos demais partidos da coligação, mormente o PMDB, “baixem a bola, quem manda agora sou eu e meus amiguinhos”.

Antecipando o futuro em quatro anos e contando com a amnésia coletiva brasileira, além de nossa facilidade em perdoar, Aécio Neves preocupou-se primeiro em eleger-se, depois em fazer seu sucessor e, só depois do champanhe secar – entrar na campanha do Serra. Mesmo com o candidato tucano ter avisado ser contrário à reeleição e, se eleito, teria 72 anos quando a próxima campanha estiver em curso, Aécio preferiu não esperar. Fez-se de morto para, na última semana de campanha, fazer um mise-em-scène de bom companheiro que ajuda o candidato comum. Não colou. Hoje vê-se mais gente furiosa com sua postura egoística do que triste com a derrota de Serra. O futuro dirá se Aécio jogou bem ao contar com nosso esquecimento.

De minha parte, o que posso adiantar é que o futuro próximo de quatro anos será igual ao passado imediato de sete anos (dei um ano de tolerÂncia ao Lula até partir rumo à sua jugular): oposição total. Nem sempre tão bem comportada, justa ou benevolente com o governo. Ou ele, o governo, mostra ser sério desde o discursos de posse em 1o de janeiro de 2010 ou, dia após dia, estarei em seu calcanhar, enviando e-mails, como fiz nos últimos anos, aos parlamentares, enchendo o saco dos jornalistas da grande mídia, me solidarizando com os blogueiros e tuiteiros opositores e sendo o golpista que os petistas acusam de ser cada opositor.

Não sou um golpista de fato, como o PIG espalhado pelo PHA também é fantasia, mas se é assim que os asseclas partidários ou os apenas eleitores desinformados vêem a mim e a cada um que se opõe aos ditames autoritários, usurpadores, maniqueístas e bolcheviques dos mandatários petistas, que assim seja. Sou um golpista!

 

©Marcos Pontes

17 comentários:

Horacio Camilo Banchero disse...

Meu Rei como sempre perfeito !!!

Vanessa disse...

Meu amigo, não vejo vc como golpista, nem a mídia anti Dilma. No máximo vc é um blogueiro em oposição ao governo com um estilo um tanto exaltado, nervoso demais. Esses xingamentos e palavras grosseiras a meu ver não convencem o hipotético eleitor iludido, só afastam. Quanto a mídia anti Dilma, creio que é questão de interesse. Alguma coisa sempre tem atrás desse tipo de atitude.
O caso do Aécio é curioso, pq em Minas todo mundo sabe que ele nunca quis eleger o Serra e aquela capa da Veja foi a segunda pior da campanha, totalmente fake. No primeiro turno circularam santinhos de Aécio sem o numero de serra. Nada de 45, o voto pra presidente esteva em branco. Quem acredita que Aécio esteve algum dia na candidatura Serra é muito inocente. Ele queria sair este ano e foi vetado antes da pre convenção. E em 2014, se Lula não morrer e Dilma não cometer suicidio eleitoral do PT ( a hipótese mais provável)Teremos " o cara" lá de novo. E não vai adiantar a conversa dos crimes e do aborto não serão utilizáveis. O esquema de perpetuação no poder implementado pelo PT com precisão cirurgica desde o evento Celso Daniel terá dado certo. Mas poderia ser pior, Marcos, se não fosse o Roberto Jefferson, Zé Dirceu seria o presidente agora.

Abraço

Joe_Brazuca disse...

use "zédirceu", como uma corrutela dos infernos !...

Fueda, cara...fueda...

(vamos à luta , oras !...simples assim...esperemos o que se segue...dependendo, armamos o barraco !...)

Adao Braga disse...

Se és um Golpista, somos em milhões!

Adao Braga disse...

Se és um Golpista, somos em milhões!

Sonia disse...

Jamais cheguei a imaginar que voltaríamos ao estado de que ser um cidadão de bem e com idéias próprias seria sinônimo de golpista ou subversivo...mas aqui estamos. E somos, caro amigo, milhões de golpistas, que devemos nos unir e não nos dispersar após esse resultado catastrófico das urnas...temos 4 anos pra nos organizar.Não deixemos nossos ideais caírem no esquecimento comodista...Vamos à luta?

Isaac Ricarte disse...

Caro amigo,
Rezemos para que a República não acabe ao 1º de janeiro de 2011.Desde já, arrumemos as malas !
Como sempre, amigo, vc escreve o grito de milhões.

Murillo disse...

Se combater o populismo, as mentiras e o autoritarismo do PT é ser "golpista", então somos golpistas graças a Deus !!!

CHUMBOGROSSO disse...

Amigo, temos CHUMBO GROSSO para carregar nossa balística

Maria Amora disse...

Querido, estou junto. Serei implacável. Como já disse antes, nada tenho a perder. Nossas armas serão poderosas.
Quanto ao Aécinho, n se pode levar muito a sério um rapaz tão...brilhante!

Carlos Emerson Junior disse...

Meu caro amigo, eu não acredito que o PT tenha força para qualquer coisa, sem o apoio do PMDB. E, na minha opinião, é daí que devemos esperar o pior.

Duas hipóteses: Dilma adoece e passa o governo pro Temer. Resultado: todos os partidos da base a aliada (menos o PT, claro), continuam apoiando o PMDB e desta vez animadamente, já que a chave do galinheiro vai ficar com a raposa.

Outra e talvez pior ainda: Dilma rompe com o PT (o que não seria novidade alguma) e se bandeia para o PMDB ou PSB. Resultado: um desastre total, já que os caciques regionais peemedebistas não vão aceitar passivamente a elite do governo tomar conta dos seus galinheiros...

Sei não, Marcos, mas uma coisa é certa: Dilma não é Lula que, bem ou mal, conseguiu controlar o PT do início até o fim. Além do mais, não sabe fazer política e está rodeada com a fina flor da canalhice política brasileira.

Quanto a oposição, espero que apareça uma nova geração, moderna, disposta a brigar pelo Brasil, sem os vícios desta que está aí.

Mas aí é sonhar demais, não é mesmo ?

Um grande abraço.

Ceci Cardoso disse...

Não é ser golpista, falar a verdade.
É apenas incômodo, aos criminosos que estão aí no poder.
Devemos incomodá-los, sempre.
A democracia agradece.
O que falta neste país é gente com coragem de botar o dedo na ferida destes crápulas que hoje governam o Brasil.
Enquanto isso não acontece, uma minoria acuada sofre.
Abraço!

Sergio Paulo disse...

O fim está próximo! com o pt cada vez mais próximo...

Beatriz disse...

Texto pra estes tempos surreais. esquizofrênicos, em que o significado se divorcia, a cada dia mais do significante. As palavras dizem uma coisa, mas a intenção é dizer outra. Acima, o que se tem é a exposição clara de que o PT é o golpista, mas são acusados de tramar um golpe aqueles que percebem sua perversa forma de atuar, manipulando a opinião pública...conquistando quase todos os corações e mentes.
A história ainda mostrará aos que ainda (ou nunca) terão lucidez para ver a realidade o mal que estão fazendo a sim mesmos, às suas famílias, ao futuro.
PoDbre Brasil daqueles que se pensam racionais e não dão um passo sem a cara cabra-cega da ideologia.

Anônimo disse...

A vitória da pelegocracia


http://www.youtube.com/watch?v=5ZpIgTGwuLI&feature=player_embedded

@MyrianDauer disse...

Calculo q eles podem nos chamar como quiserem, desde q não nos encostem a mão ou nos prejudiquem de qq maneira.
Vou ser bem honesta, votei no Serra e trabalhei por ele por pura falta de opção.
Pq descobri q ideologicamente estou muito à direita dele.
Nos próximos 4 anos vou trabalhar por minhas convicções, mas em busca de alguém q as represente de verdade. Com exceção de 94 e 98 sempre pratiquei o voto útil e estou realmente cansada.
Estou cansada de ser extorquida e não receber nem um olhar benevolente.
Ladrões e assassinos participam desse governo e levam toda a fama.
Por suas campanhas mentirosas esse governo voltou o país contra nós, como se o dinheiro para toda essa farra saísse do bolso deles e não dos nossos.
Acho q as pessoas devem receber de acordo com o q merecem e não o q cai do céu. De repente é obrigação do governo dar tudo: casa, comida, remédio, médico, escola, material, sapato e uniforme, camisinha, enxoval… Tudo com o dinheiro q nos arranca, que me faz falta e eu não tenho direito a nenhuma dessas benesses.
Espero mesmo q o Lula ferre com esse povo e em seguida q a Dilma ferre com ele. Assistirei de camarote.
Até lá continuarei em minha busca.

Ery Roberto Correa disse...

O golpe acontecerá naturalmente, meu caro, sem que porecisemos nos levantar da cadeira. A sede do PMDB é maior que a do PT e hoje eles nunca estiveram tão próximos de atingir seus objetivos.

Aguardarão o momento oportuno, como uma serpente à espreita da sua presa. Torcem para que aconteça naturalmente, via um afastamento compulsório da Sra. eleita, mas não se iluda, devem ter estipulado um limite na linha do tempo.

Certamente teremos dias agitados pela frente.

Of topic, mas nem tanto, nos jornais de hoje já há uma referência à vontade dilmista de disputar a reeleição! É mole? Ainda nem começou!

O plano de poder do PT acabará com eles próprios. Escreva isto.

Abraço democrático.